Pular para o conteúdo principal

REFORMA POLÍTICA : CÂMARA DOS DEPUTADOS BARRA MUDANÇAS... Por : Pettersen Filho

REFORMA POLÍTICA : CÂMARA DOS DEPUTADOS BARRA MUDANÇAS...

Por : Pettersen Filho


Narram os Bastidores da História que, quando do Golpe Militar de 1964, quem pôs fim a uma serie de acontecimentos Políticos no Brasil, que, ao ser indagado pela Posição que assumiria  Minas Gerais, de onde saíram as Tropas, das Unidades de Infantaria do Exército, localizadas em Juiz de Fora, para o desfecho do  “Evento”, que o, então, Governador Magalhães Pinto, usando de certa ironia, referindo-se a Localização Geográfica do Estado, no Mapa do Brasil, que “Minas Gerais ficará onde sempre esteve, e de lá não se afastará um centímetro”, como de fato, refletindo a Posição Protagonista do Estado, Tradicional “Celeiro” de Ideias Conservadoras, durante a Crise.


Na Noite de ontem,Terça/26, ao ver as suas Propostas de Reforma Política barradas pelo Plenário da Câmara dos Deputados, o Presidente da Casa,Eduardo Cunha, quem usou, até, de “Certo” Golpe, ao Desconstituir a Comissão Parlamentar que analisa as tais reformas, há pelo menos 20 anos, sem sair do Papel, chocado com a Derrota da sua Proposta, feita através da Nomeação de um Relator, às Pressas, apenas por acaso o DeputadoMarcelo Alencar, cujo principal dos aspectos foi apresentar o Voto Distrital (Chamado “Distritão”), como uma das primazias da Reforma, em que o Deputado, efetivamente, mais  Bem Votado levaria o Mandato, ao invés do Voto Proporcional, como hoje, em que a Coligação, ou o Partidolucramcom o Voto dos mais bem “Votados”, levando Partidos, ou Políticos, pouco Representativos ao Poder, fuzilou: “ Nenhum dos atuais Deputados, Eleitos pelo atual Sistema quer Mudar Nada !

 Assim, Natimorta, abatida pelo próprio “Fogo Amigo” do PT – Partido dos Trabalhadores, principal Partido que atuou contra o “Expediente” deCunha, cuja Virtude é digna de desconfiança, Derrotado no embate, Partido completamente desinteressado em Mudanças, que o desloquem doPoder, sem que sequer fossem, nesse ínterim, analisados outros pontos, também essenciais, tais como a Obrigatoriedade do Voto e oFinanciamento de Campanha, “Bandeiras Históricas” do Partido, jaz por terra a tão ambicionada, pela Sociedade brasileira, famigerada ReformaPolítica, indispensável a varrer a Corrupção, endêmica e Sistemática, no Processo Político brasileiro...

Esperemos, pois, em tempos em que tanto se fala em Impeachment da President”a” Dilma Roussef, e em Marcha Popular à Brasília, mais outros vinte anos, até que, quem sabe, se posicione no Mapa Político brasileiro, como sempre o fez, Minas Gerais, diante dessa horripilante História...

Será ?!?

Crônica também Publicada em www.paralerepensar.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

VII Seletiva Nacional de Poesia – 2017 Para a edição do livro VII COLETÂNEA SÉCULO XXI

VII Seletiva Nacional de Poesia – 2017 Para a edição do livro VII COLETÂNEA SÉCULO XXI - que trará uma Homenagem ao poeta e professor Pedro Lyra – 
(será o 41º livro editado pela PoeArt Editora- DESDE 2006 COM VOCÊ!) (Prazo: ATÉ 30 de abril de 2017)
(somente pela INTERNET)


   A PoeArt Editora de Volta Redonda RJ, institui o livro VII Coletânea Século XXI  (depois das bem sucedidas Antologias Poéticas de Diversos Autores, Vozes de Aço da I a XVIII, depois do sucesso da I a VI Coletânea Século XXI, do livro Cardápio Poético, 1ª e 2ª edição, I a III Coletânea Viagem pela Escrita. Dentre os já homenageados por suas contribuições literário-culturais em nossos livros, estão: Adahir Gonçalves Barbosa, Alan Carlos Rocha, Álvaro Alves de Faria, Astrid Cabral, Clevane Pessoa, Flávia Savary, Flora Figueiredo, Gilberto Mendonça Teles, Maria Braga Horta (in memoriam), Maria José Bulhões Maldonado, Mauro Mota, Olga Savary, Oscar Niemeyer, Pedro Albeirice da Rocha e Pedro Viana.


SEM TAXA DE INSCRIÇÃO: (AT…

SAFRA VELHA DE CLÁUDIA BRINO recebe indicação do International Poetry News

É com alegria e surpresa que acabo de receber de Giovani Campisi a notícia de que o livro Safra Velha de Cláudia Brino (Costelas Felinas) é um dos livros indicados para concorrer ao Prêmio Nobel de Literatura 2018.

Indicado pelo jornal International Poetry News entre 25 títulos de autores internacionais encaminhados ao Comitê Organizador do Prêmio Nobel de Literatura - 2018
A indicação foi feita pela Direzione Editoriale / Edizioni Universum

clique na imagem e veja a IPN  INDICAÇÃO NO - INTERNATIONAL POETRY NEWS


Este livro não é vendido em livrarias e se movimenta à margem da grande mídia. Adquirindo a versão impressa você receberá dedicatória especial tendo o seu nome impresso no livro.