Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2017

UM POEMA EM CADA ÁRVORE - agenda

ACADEMIA VICENTINA DE LETRAS ARTES E OFÍCIOS - convida...

A Academia Vicentina de Letras, Artes e Ofícios Frei Gaspar da Madre de Deus tem a honra de convidar você para a posse de novos acadêmicos. Para tanto anexa convite, esperando sua presença, que enriquecerá nosso evento.
Deise Domingues Giannini - secretária
indicação Deise Domingues Giannini

NOTÍCIAS DA CORTE 0070

CONCURSO DE POESIA - ELOS DA COMUNIDADE LUSÍADA

Revista LiteraLivre - -

TÍTERES - Leitura Dramática de Ernani Fraga

LANÇAMENTO DE LIVRO EM BH

clique para abrir
indicação Andrea Sales

2ª CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE CULTURA

indicação Deise Domingues Ginanni

DOCE POESIA DOCE... dias do evento

De 17 de setembro a 8 de outubro o projeto DOCE POESIA DOCE vai distribuir gratuitamente nada menos que 10 mil “poesias doces” (poesias impressas embalando balas doces) em praças, escolas, hospitais e postos de atendimento em Salvador.
Na primeira fase do projeto, mais de 900 e-mails foram enviados para a Convocatória Doce Poesia Doce. Foi tamanha a quantidade e qualidade das poesias enviadas que a seleção aumentou dos 200 previstos para mais de 400 poetas participantes de todos os cantos Brasil e até do exterior. Além disso o projeto faz uma justa homenagem a 21 poetas consagradoscuja obra já se encontra em domínio público: os brasileiros Gregório de Mattos, Castro Alves, Junqueira Freire, Álvares de Azevedo, Gonçalves Dias, Alphonsus de Guimarães, Augusto dos Anjos, Olavo Bilac, Mário de Andrade, Cruz e Souza, Machado de Assis, Casimiro de Abreu, Cláudio Manuel da Costa, Raimundo Correia, Alberto de Oliveira, Vicente de Carvalho e os portugueses Luís de Camões, Tomás Antônio Gonzaga,…

Daquilo que se pode dizer, poemas de Eduardo Waack

Um livro é um livro é um livro. “Daquilo Que Se Pode Dizer” é o título do novo livro de poemas de Eduardo Waack. Siga o link, e descubra um pouco mais sobre este lançamento literário. 
https://jornaloboemio.wordpress.com/2017/09/11/daquilo-que-se-pode-dizer-poemas-de-eduardo-waack/

MEDUSA - poema em Milhoneto - por Vieira Vivo

A apresentação do mestre Anderson Braga Horta diz da beleza deste livro de sonetos - Milhonetos - reinventados com a técnica...   Mostrar mais

As SIGLAS que movem o Brasil moderno * Vieira Vivo (humor cego)

Conheça também as SIGLAS mais queridas do Brasil - clique

REVISTA VEIA 1

1º FESTIVAL DE POESIA do Vale de Jequitinhonha

A cidade de Jequitinhonha faz aniversário e o presente quem leva é você.
A comemoração concede a presença de vários artistas, então confira no flyer
Um festival para ser marcado em sua agenda.

acompanhe os comentários no FACE

Indicação - Cláudio Bento - autor de Roteiro Sentimental da Cidade de Jequitinhonha - Ed. Costelas Felinas

Prêmio Off Flip abre inscrições

ENTREOLHOS com Cláudia Brino da Costelas Felinas - artesanal livros

Escritora e editora independente, Cláudia Brino (foto ao lado) faz um trabalho de muitas descobertas através de sua Editora Costelas Felinas, que já editou muitos milhares de títulos entre prosa e verso, de autores de todo o Brasil. Seu trabalho artesanal é de um capricho e uma correção impecáveis, que a fazem acumular clientes, amigos e admiradores. Ela ama o que faz. Isso é notório em suas postagens em rede social e na frequência com que lança movimentos como concursos literários, nos quais oferece edições como prêmios. Cláudia Brino é a nossa entreolhada nesta edição.
E – Cláudia Brino; centenas, talvez milhares de pessoas que não o fariam de outra forma vêm realizando o sonho de tirar das gavetas os seus escritos e transformá-los em livros impressos. Tudo graças à chance que você oferece, da publicação de quantos exemplares o autor quiser. Pode usar licença poética para responder, caso queira: o que isso significa para você?
R: Rapaz é uma emoção inestimável, principalmente quando p…

IV PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA

EDITAL DO IV PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA AMARO PEREIRA DE CRÔNICA
IV PRÊMIO RADIOTELEGRAFISTA
AMARO PEREIRA DE CRÔNICA
EDITAL/15 - 2017 REGULAMENTO 1. Participantes: 1.1. Qualquer cidadão brasileiro ou estrangeiro, sendo que as crônicas inscritas estejam em língua portuguesa. 1.2. A idade mínima para participação do concurso é de 12 anos. 2. Período de inscrição: 2.1. Início: 03 de setembro de 2017.
Término: 28 de outubro de 2017.
2.2. As inscrições são aceitas até o dia 28 de outubro de 2017. 2.3. As inscrições poderão ser feitas via e-mail. Enviar até a data limite para: poesiarte@hotmail.com 3. Categoria: 3.1. Crônica – 1 (uma) por concorrente, com máximo de 2 (duas) laudas (folhas). 4.Tema: Futebol, uma arte do passado. 4.1. O objetivo do tema é estimular a criatividade dos participantes. Levando também a contar fatos engraçados, interessantes do futebol amador ou profissional do passado. 5. Textos: 5.1. Deverão ser escritos em língua portuguesa (idem ao item 1.1), digitados em papel branco A4, de …

ROMARIA (NO TERRITÓRIO DOS AFETOS) * por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA

(Carta para Lucas, Clarice, Célia, Maurício e Américo) Lembrando de Renato Teixeira
UMA MEDITAÇÃO REVISADA EM BRASÍLIA (Agosto de 2017) Uma missiva sentimental demais

“Só uma palavra me devora: aquela que o meu coração não diz”                     (Suely Costa)           Não reparem: é romaria interior,  fragmentada carta não postada,  pobre  prosa poética, tosco hino de amor, sentimental demais, ouvindo Elis Regina (ela também nasceu em 1945) e Renato Teixeira - também do mesmo ano. 
Peço que toquem “Romaria” no dia da minha partida – hora de descer aos sete palmos. (Queria também outras duas músicas, mas não é de bom dar muito trabalho nessa hora.) Se algo ficar na retina de vocês, será no valor de alguma recordação: somos  criaturas da memória, finitos continuamos sendo, um dia, estaremos unidos numa coisa só: pó, estrume, rio, mar, fundidos nesse cosmos.
Nessa carta, eu queria informar – quando  eu for embora, se quiserem me “ver”, indico três locais: A servidão que leva à casa azul e branca da Lagoinh…

MEIO AMBIENTE: TEMER PAGA A CONTA DA BANCADA RURALISTA - por EMANUEL MEDEIROS VIEIRA

Michel Temer extinguiu em 23 de agosto de 2017, uma área de reserva ambiental de 46.450 quilômetros quadrados – tamanho equivalente ao Estado do Espírito Santo–, na divisa entre Pará e Amapá, conhecida como Renca (Reserva Nacional de Cobre e seus Associados). Como lembram ambientalistas, a REGIÃO POSSUI RESERVAS MINERAIS DE OURO, FERRO E COBRE. Mesmo que ele tenha publicado um novo decreto no dia 28 de agosto – não por convicção, mas devido ao colossal protesto de brasileiros e estrangeiros – a Renca continua extinta. O próprio ministro do Meio Ambiente, Sarney (eis uma família “perpétua no país!), admitiu o receio de um “desmatamento desenfreado” no Brasil. RESUMINDO: Temer está pagando os votos que recebeu da forte e muito poderosa bancada ruralista (ou da “motosserra”, para outros) para que a denúncia contra ele não fosse aceita no Congresso Nacional. Para Mariana Napolitano do WWF Brasil, o crescente interesse pela mineração na área poderia levar à redução “das áreas de proteção e as c…

VIII FEIRA ANARQUISTA DE SÃO PAULO

Biblioteca Terra Livreorganiza aVIII Feira Anarquista de São Paulo, dando continuidade ao já tradicional encontro anual de anarquistas e simpatizantes do mundo inteiro.
Na edição deste ano, assim como nas anteriores, acontecerá mostra editorial e venda de livros, jornais, revistas, fanzines e outros materiais libertários. A Feira de São Paulo pretende reunir editoras libertárias do país e do exterior. Paralelamente à mostra editorial haverá palestras e debates, assim como diversas atividades culturais, como exposições, poesias, apresentações teatrais, musicais e outras atividades. saiba dia - horas e outras informações - clique indicação de Antonio Miotto









ARTE DO REPENTE E A LITERATURA DE CORDEL - agende-se

SARAU DE POEMAS INCONFIDENTE MINEIRO

DIA 03/09 DOMINGO, MAIS UM SARAU DE POEMAS INCONFIDENTE MINEIRO Por : Pettersen Filho

Tendo por público alvo Poetas, Músicos, Artistas e Escritores, além de aficionados com o tema, ocorrerá no próximo dia 03 de Setembro mais uma versão mensal do Sarau de Poesias “Inconfidente Mineiro”, em Belo Horizonte/MG, na Região da Pampulha, aberto ao público em geral, e com inscrições de participação já abertas, junto ao site .inconfidente mineiro ou pelo telefone/zap (31)996650965, sob patrocínio do Cerimonial Hostel Inconfidente Mineiro. http://www.abdic.org.br/index.php/1812-dia-03-09-domingo-mais-um-sarau-de-poemas-inconfidente-mineiro
indicação Jornal Grito Cidadão

CRER NA JUSTIÇA? ** EMANUEL MEDEIROS VIEIRA

Sim. É preciso ainda crer – e lutar pela Justiça Mas parece que um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), sente-se como um rei absolutista, acima da Lei, que tudo pode – espécie de czar moderno. Parece que seus colegas têm medo de contrariá-lo, de irritá-lo. Tal omissão causa danos ao Judiciário e em particular ao próprio STF. Com exceção do Ministério Público, de outras poucas instituições e pessoas, ninguém o critica. Segundo alguns, tal postura omissa causa danos ao Judiciário e ao próprio STF. Escreveu Janio de Freitas: “Gilmar Mendes age, com indiferente segurança, como quem pode desafiar o que quiser e desacatar a quem quiser– e nada lhe acontece. Não que desfrute de cobertura legal ou moral para tanto. Conta, isso sim, com a falta de resposta para a pergunta que mais se ouve e se faz: não há ninguém nem o que fazer contra esse vale-tudo?” (...)Ainda há juízes em Berlim” –  é a proclamação famosa, que  alimenta a esperança. Há juízes no Brasil. USO INDISCRIMINADO DO INGLÊS É…

COTIPORÃ CULTURAL Nº 70

Confiram momentos da feira do livro de Cotiporã na página de notícias do meu blog www.adaowons.blogspot.com ​

indicação Adão Wons


IV Encontro das Academias de Letras e Artes das Microrregiões de Pernambuco

A  ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE GRAVATÁ – ALAG – TEM A HONRA E SATISFAÇÃO DE CONVIDAR AS ACADEMIAS DE LETRAS E ARTES DAS  MICRORREGIÕES DE PERNAMBUCO, PARA ABRILHANTAREM COM SUAS PRESENÇAS O “IV  ENCONTRO  DAS  ACADEMIAS” A SER REALIZADO NO DIA  23 E 24 SETEMBRO  DE 2017, A PARTIR DAS 7:30 HORAS no HOTEL  PORTO  DA  SERRA.

Obs.: Quem desejar mais informações sobre o Encontro deve entrar em contato com a ALAG por meio dos contatos abaixo:
Academia de Letras e Artes de Gravatá - ALAG CNPJ: 02.582.694/0001-48. Fundada em 26 de outubro de 1997. Sede: Rua Santo Amaro, 89 - 1º Andar - Centro - Gravatá - Pernambuco - Brasil Fone: (81) 3533-6379 
Clique no link ou imagem abaixo para conhecer a ALAG e ter informações completas sobre o Encontro. http://www.alag.org.br/encontro_academias.html
indicação News Literária

ITHACA 498, La Gitana hindú, Germain Droogenbroodt

Como homenaje a su amigo flamenco Germain Droogenbroodt, Serranito, el gran maestro de la guitarra flamenca, ha escrito une composición inspirada por el poema „La gitana hindú “que fue estrenada, junto con recital del poeta, en la última Noche Poético-Musical de Ithaca, España 2017.
LA GITANA HINDÚ
Silenciosa
su esbelta silueta
no toca el suelo
planea solo el tintineo de sus tobilleras
revela su gracioso andar

(cierro los ojos)

Surge de una peña flamenca
y baila las más fervientes soleares
avivadas por el rasgueo de la guitarra.
Deslumbrando al ojo y al corazón
el revolotear de colores, la erótica pasión.

Hasta el fondo del tablao tiembla de deseo
bajo el baile de sus desnudos pies

Zapatea, vuela y brinca,
arranca y tira de su encarnada falda
que de vez en cuando despliega un atisbo – nada más
ni siquiera en el sueño.
GERMAIN DROOGENBROODT Del poemario: „La efímera flor del tiempo”, Editorial POINT 2017  ITHACA 498
indicação Point Editions

“UM BANQUINHO & UM VIOLÃO” NESSA QUINTA, COM MAURÍLIO MARKS, NO INCONFIDENTE MINEIRO,,, Por : Pettersen Filho

 Cerimonial & Hostel Inconfidente Mineiro tem a honra de convidá-lo, nessa Quinta Feira 24/08, DAS 20:00 AS ... HS, no já tradicional Projeto “Um Banquinho & Um Violão” para a apresentação de  Maurílio Marks, em noitada regada a cerveja gelada, tira gosto, e muita, muita, muita mesmo, MPB de qualidade.. http://www.abdic.org.br/index.php/home-10/1808-um-banquinho-um-violao-nessa-quinta-24-08-com-maurilio-marks-no-inconfidente-mineiro
indicação jornal GRITO CIDADÃO 

BLUES ** EMANUEL MEDEIROS VIEIRA

“Aos poucos se apaga/o consentimento da morte” (...) (Alberto Bresciani)


No blues da depressão,
o consentimento da morte.
O blues: essa vida, só essa, e mais nenhuma. Nunca mais.
É o barqueiro Caronte que me conduz através do rio Estige
em direção ao Hades?
Reivindicamos Deus e não O Percebemos ao lado.
Mas Ele “realmente” está ao “lado” ou apenas sonhamos magicamente?
Onde?
Com bússolas erráticas, tentamos Descobri-lo no torto mapa.
E o blues quer acertar seu tom (a palavra é essa?) no Olho Dele.
Acerta?
Tenta – tenta até a consumação
o chamamento das Parcas
Sim:  o barqueiro Caronte me leva através do rio Estige.
Inelutável chamamento das Parcas.
O grande Rio

REVISTA POÉTICA CABEÇA ATIVA 38 - TEMA TEATRO

Ao nos postarmos frente às etéreas cortinas decorativas de nossa biblioteca, pudemos ouvir e nos emocionar com um turbilhão de vozes de múltiplos personagens, a povoarem os quatro cantos da sala e a encenarem odes, salvas, vivas e loas ao teatro. Assim ficamos envolvidos por toda essa magia. E após presenciarmos exaustivos ensaios, inúmeras reelaborações de cenas, cansativa confecção de figurinos, iluminação, cenários e adereços vimos, finalmente, estrear para o público, o espetáculo intitulado Cabeça Ativa nº 38.
Nesse rodamoinho de cenas fomos arrastados para as coxias, para os meandros ocultos dos bastidores, povoados por martírios e cansaços, amizades, entregas e júbilos, mas sempre plenos da vivificante loucura criativa inerente à arte de representar. O teatro nos revela, nos comove, desmascara e aperfeiçoa quando concebido em liberdade em sua visão heterogênea e agregadora. Por todos esses fatores, os poemas tomaram lugar nesta pequena ribalta de papel reciclado e a cada página …