Pular para o conteúdo principal

Flor de Cacos - Vídeo Poema de Cris Dakinis

Gabriel dos Santos sonhava com um anjo que lhe dizia para construir a Casa da Flor em São Pedro da Aldeia. Ele trabalhou nas salinas de Baixo Grande, divisa entre São Pedro da Aldeia e Cabo Frio, local onde nasceu o poeta Victorino Carriço, compositor dos hinos das cidades de São Pedro da Aldeia e Cabo Frio.

O poema FLOR DE CACOS (Casa da Flor) é uma homenagem a esses dois artistas e obteve o 3º lugar no II Prêmio Victorino Carriço.

Veja as imagens da Casa Flor e leia o poema de Cris Dakinis - clique aqui

Comentários

Anônimo disse…
nossa que maravilha!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

camila andrade
Anônimo disse…
olha eu achei muito, mas muito bonito..
tens uns versos que são mágicos.
parabéns pela colocação.

Jo Guesty
Cris Dakinis disse…
Obrigada, Camila Andrade!
Fico feliz por teu comentário entusiasta e elogioso :)
Peço desculpas pela demora em dar retorno. Grande abraço!
Cris Dakinis disse…
Muito obrigada, Jo Guesty!
Bonito é ler este teu comentário generoso :)
Peço desculpas pela demora em dar retorno.
Um grande abraço!

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

Trajes Poéticos - RIMA ENCADEADA

Palavra final do verso que rima com outra palavra do meio do verso seguinte.

*****

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores do concurso.