O EXISTENCIALISMO NA LITERATURA LATINO-AMERICANA

A vida privada das árvores foi lançado no Brasil em 2013, porém é desconhecido do grande público brasileiro. Mesmo que o autor  Alejandro Zambra seja considerado um dos grandes escritores contemporâneos do Chile.
A dica desse livro é um convite ao mergulho existencial que questiona as verdades do atual mundo globalizado em que vivemos quando Julián espera Verónica assistindo um partida de futebol e sua mente parece anestesiada e termina chegando a conclusão que é um “professor de literatura e escritor de domingo” quando não tem que cumprir trabalhos do que ele chama de
“temporada alta”,que devido a demanda profissional as vezes dá aula de literatura norte americana, por vezes de literatura italiana mesmo sem saber italiano, mas que isso não importa já que no Chile há diversos professores de inglês que não sabem inglês, professoras de yoga que precisam tomar analgésicos para dar classes, professores de educação física com sobrepeso sem citar o início do livro que repensa o romantismo quando problematiza as iniciais escritas de amigos ou namorados no tronco das árvores.

enviada por susana savedra
leia na íntegra

Comentários