Pular para o conteúdo principal

GANHE UM EXEMPLAR DE MAKINA - fanzine de fotografias

últimos dias
GANHE O SEU MAKINA - n.º01
fanzine de fotografia


Este é um fanzine produzido por duas pessoas inquietas, curiosas e do signo de Áries. Bea Rodrigues e Djalma Amorim se conheceram cursando fotografia e estão no rolê há algum tempo. E decidiram como quase todas as suas outras decisões, criar eles mesmos um espaço para seus trabalhos de forma independente.
fotografias por: Bea Rodrigues, Catarina Martins, Davi Rodriguez. Djalma Amorim, Luiza Schiavo, Sarah Ferreira
VEJA AS FOTOS AQUI  - facebook.com/photorenard   /    www.photorenard.com
 SAIBA COMO GANHAR O SEU...
 CLIQUE EM INFORMAÇÕES E VÁ ATÉ O FINAL DA POSTAGEM
CONFIRA O RESULTADO - inscrição encerrada
os poetas selecionados para levar o MAKINA grátis foram:

  • Vivian de Moraes
  • Olímpio Coelho de Araújo 
  • Mariza C. de C. Cezar 


Promoção Movimento Ativista Cult - todos receberão na faixa o fanzine Makina, para isso basta entrar em contato pelo nosso e-mail cacbvv@gmail.com
Portanto, este é um fanzine feito por fotógrafos para qualquer um que se interesse por fotografia, circulação independente, diy, métodos alternativos ou não de produção de imagens, linguagem, ou por nada disso: este fanzine existe e para nós isso já é uma vitória.
Para comemorar essa vitória tão importante, nós fizemos o que todo mundo faz quando quer dividir algo bom - chamamos alguns amigos! Em especial, chamamos amigos que a gente está com saudade, que estão em vários lugares diferentes, para tentar falar um pouco do tema desta primeira edição, que é o cotidiano e a rotina. Opressivos ou não, entediantes ou não, agitados ou não, todos nós vivemos um dia de cada vez. E talvez nossos dias sejam muito diferentes, mas talvez tenha alguma coisa que nos uma de alguma forma. Foi o que tentamos descobrir com os diptícos que montamos para esta edição, se lugares distantes podem nos dar situações, emoções e momentos similares.

GANHE O MAKINA!!!!!!!!!!

MAC - Movimento Ativista Cult teve o prazer de ganhar de Bea Rodrigues e Djma Amorim 03 exemplares do MAKINA para nossas promoções.

Então para ganhar este belo fanzine de fotogfrafias basta criar um poema usando a palavra MAKINA.

Os 03 melhores irão receber em casa, sem nenhum custo, 01 exemlar.

basta deixar seu poema no comentário abaixo.... 
atenção: Use seu nome verdadeiro ou literário para assinar o poema.

Inscrição até dia 13/09/2014

Comentários

Anônimo disse…
a makina do mundo não estancou,
porque esse poema não é Drummond.
fotografo o tempo e colo no álbum
do meu desejo.

Jorge Rodrigues
Já MAKINA a minha mente
Algo novo, surpreendente
Às vezes, falha
Em produção tipo: demente.
Retoco a MAKINA versadora
E vou em frente...

André Miranda
vivian de moraes disse…
makina

sou um pedaço velho de realidade.
sou algo menos que um motor enguiçado,
sem óleo lubrificante,
com muitas dores nas articulações.
esta peça, este pedaço falho de mim,
é uma resenha de makina.
preciso me refazer em todas as minhas engrenagens.

Vivian de Moraes
Ruth Hellmann disse…
Para mostrar o valor
inventou-se uma Makina
pra revelar muita cor,
que sempre nos fascina.
Anônimo disse…
Mákina não clica, esou feliz.
Caso clique, eu também fico.
Recolho o bico e digo xis.
Se desatento me explico.

Olímpio Coeelho de Araújo (Oca)
André Foltran disse…
GENETLÍACO

A makina
nasceu
— e dentro
dela
algo de tão
bonito, tão
humano...

Nem parece
que é sujeira
de corpos,
que é ferro
fundido em
perdição;

nem parece
que são anjos
nus na praia,
que é sangue
derramado
no arrebol...

A makina
nasceu
— e dentro
dela:
você & eu

[André Foltran]
Anikam

Que dera pudesse fazer uma Makina da felicidade,
Que nos fizessem felizes em todas as idades.
Assim levassemos juntos de nós apenas a sinceridade,
Que ela seja nossa realidade.

Para a Makina que meu coração invade,
E que sobrevive das fotografias desta terna saudade.
Vem vamos juntos viver a liberdade,
E encontrar o amor onde nunca exista vaidade.

E vamos pelo mundo deixando todos com nossa insanidade,
Para que a vida seja realidade.
E assim seja em cada pequena cidade,
Onde o amor seja vivido com toda simplicidade.


enviado por e-mail
******************

NO CLIC
(Mahelen Madureira)

No clic do tempo
no clic da vida
meu mundo
retratado
meu mundo
colorido.
Meu sorriso
meu caminhar
meu corpo despido
meu jeito de olhar.
Tudo isto
e muito mais
no clic da mão
no clic da Makina.
jouvana whitaker disse…
Fotografar
O belo e o interessante
O por do sol e o luar
E sigo adiante
Na arte de captar
No celular
Na makina
Mas tenho a força no olhar
E não deixo escapar
É uma flor
É um gato
Tudo o que me fascina
De noite ou de dia
E divido
Sem egoísmo
Esses momentos
Mágicos e
Feliz fico
Com quem admira
Curte
Ou compartilha...

Prof. Dr. Abbud disse…
Uma foro sempre makina,
permite o que se imagina.
Seja uma bela marina
ou uma floresta alpina.
Uma velha lembrança,
ou o que quer que nos remeta à nossa criança.
Uma foto sempre makina,
uma imagem, ou o que se imagina.
Mariza C.de C. Cezar - 11 de setembro de 2014 às 22,21 hs.

Clica aqui,
clica ali,
assim clicando
sigo amando
a tudo registrar!
Capto um olhar
rapto o luar,
gravo o mar,
a lagrima que escorre
a dor que percorre
lindo rosto
ao sol posto,
triste a chorar,
aos deuses a evocar!
Preces registradas
preces cantadas
pela makina cativas!
São momentos retidos,
aprisionado o belo,
retido o sério
num ato de magia!
O momento e a alma
presos pela makina
vivos em museus
a transumanos encantar
ilustrar e informar
o que de nós os humanos
a primitiva makina
imprudente registrou!

enviado por e-mail
*****************

Makina
Makinar
Maquinando
Terceiro braço do Homem
Descortina o Belo
Descobre segredos
Dissipa sonhos
Derrete o Gelo
Desconsidera o Mal
Desculpa as injúrias
Mas...também.
desenvolve a Dor e a impiedade!

clara sznifer
Cris Dakinis disse…
Makina
Ilustre...
Teu recheio?
Estampado
Tua história?
Aquarela e p&b
Tua voz?
Fotografias
Teu perfil?
Imagina...
Makina
mágica!

Cris Dakinis
Marlin Balbuena Bremm disse…
Makina
(Marlin Balbuena Bremm)

Fotografei os meus pensamentos
com a makina do tempo,
e as fotos que dela
foram-me reveladas...
Vi poesias variadas.
Vi o amor nascendo.
Vi um beijo ardente
Acontecendo.
Vi a felicidade
indo ao encontro da saudade.
Vi a emoção batendo à porta
do coração.
Vi borboletas coloridas
fazendo cócegas na barriga.
Vi a lealdade
triunfando sobre a falsidade.
Vi um filme colorido...
revelado em grande estilo,
através da makina da vida.

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

Trajes Poéticos - RIMA ENCADEADA

Palavra final do verso que rima com outra palavra do meio do verso seguinte.

*****

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores do concurso.