Poema Teu - por Luciano Marques - Arte Visual por Ana Austin


Inspiro-me em ti
Decifra-me ou te Devoro - Ana Austin
E em tudo que é teu
Para dar luz às palavras.

Tua beleza é forte!
Tua força é bela!


Abasteço-me em tua força.
Embriaga-me tua beleza.
Já não sou mais meu.

Encanta-me essa tal fragilidade
E o teu sutil poder de encantar.

Ao teu sorriso, rendo-me inteiro.
Desarma-me, alegra meus dias.

Mulher minha, musa e amiga,
A ti, todo amor que houver em mim,
Amor que é meu, mas que a ti pertence.

Luciano Marques

Comentários

Anônimo disse…
quiser eu ser sua musa neste poema...rsss

márcia goes
Anônimo disse…
quiser eu ter estas pernas que vc usa na imagem ana

márcia goes