Pular para o conteúdo principal

CONSELHO DE ÉTICA – ÉTICA? (E Fragmentos do Cotidiano Brasileiro) - Emanuel Medeiros Vieira


Neste Conselho funesto/Feito por gente caquética,/Só pode ser indigesto/Sinceramente sem ética” (AL)

O assunto passou em branco. No meio de fome de poder e corrupção, há algum tempo foi instalado o Conselho de Ética do Senado.
O referido Conselho aprecia e julga denúncias por quebra de decoro parlamentar.
Quem está lá?
Romero Jucá (RR)  investigado na Lava-Jato, com oito inquéritos no STF.
Além de Eduardo Braga (AM), Flexa Ribeiro (PA), Eduardo Amorim (SE) e Jader Barbalho (PA), todos investigados no STF.
Todos no Conselho de Ética. É brincadeira? Não.
É uma espécie de metáfora do Brasil de hoje. Não é preciso escrever mais nada.

IMPEACHMENT
“A Câmara dos Deputados não pode continuar agindo com cinismo, como se nada estivesse acontecendo no país. O presidente da Câmara dos Deputados deve satisfação à população e, por isso, precisa pautar com urgência a análise dos pedidos de impeachment” (do presidente da República).
São palavras do presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Cláudio Lamachia.
Lamachia argumentou ainda que o Brasil não pode continuar pagando a conta das atitudes “pouco republicanas” tomadas pelos ocupantes do poder.
Para ele, as instituições não podem continuar “sangrando”.
No fim de maio, a OAB entregou à Câmara pedido de impeachment do  presidente da República.
DEMOCRACIA
Alguém afirmou que é “assustador” o sentimento de que a democracia está entrando em colapso.
Com a falência do modelo, muitos buscam  soluções facilitárias, autoritárias e tenebrosas, acreditando em aventureiros ou  figuras de extrema-direita, populistas e violentas.
A culpa é daqueles que se apegam ao poder, como cachorros agarrando ossos, sem nenhum respeito pelos sentimentos e valores da população anônima – que carrega seu calvário diário.
Estamos com 14 milhões de desempregados, que sofrem anonimamente, silenciosamente. Não é estatística. São seres humanos.
É preciso entender que a corrupção é um inimigo poderoso e nefasto, que não tem tendência política  – como alguém afirmou.
E o terreno que está sendo semeado é o da amargura, do desencanto e do pessimismo.
Eu sei: essa busca por soluções fáceis e de extrema-direita também ocorrem na Europa e em outros lugares.
                                            ACORDO
Nos Estados Unidos, há um presidente que parece a Besta do Apocalipse, à direita de Genghis Khan (1162-1227).
É triste e lamentável ver um acordo promissor (entre EUA e Cuba), ser rasgado por Trump.
Obama e autoridades cubanas, firmaram um acordo – intermediado pelo Papa Francisco –  que depois de muita luta, gerou  esperança.
Até republicanos, do partido do presidente, criticaram a atitude de Trump.
Estive em Cuba  há uns dois anos (não com autoridades), e conversei muito com pessoas anônimas ( eu e Célia fizemos amizades, com quem nos correspondemos até hoje).
 E percebi que pessoas anônimas, tão hospitaleiras conosco, torciam imensamente pelo acordo.
Para terminar com uma nota menos pesada: com um marxista (que, na despedida, disse que não éramos apenas amigos, mas “hermanos”), abraçando-me com muita emoção (não, não estava no poder – era um humanista muito culto),  rezamos  um Pai Nosso, na catedral de Havana, para que o acordo entre  EUA-Cuba desse certo.

(Salvado, junho de 2017)


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

VII Seletiva Nacional de Poesia – 2017 Para a edição do livro VII COLETÂNEA SÉCULO XXI

VII Seletiva Nacional de Poesia – 2017 Para a edição do livro VII COLETÂNEA SÉCULO XXI - que trará uma Homenagem ao poeta e professor Pedro Lyra – 
(será o 41º livro editado pela PoeArt Editora- DESDE 2006 COM VOCÊ!) (Prazo: ATÉ 30 de abril de 2017)
(somente pela INTERNET)


   A PoeArt Editora de Volta Redonda RJ, institui o livro VII Coletânea Século XXI  (depois das bem sucedidas Antologias Poéticas de Diversos Autores, Vozes de Aço da I a XVIII, depois do sucesso da I a VI Coletânea Século XXI, do livro Cardápio Poético, 1ª e 2ª edição, I a III Coletânea Viagem pela Escrita. Dentre os já homenageados por suas contribuições literário-culturais em nossos livros, estão: Adahir Gonçalves Barbosa, Alan Carlos Rocha, Álvaro Alves de Faria, Astrid Cabral, Clevane Pessoa, Flávia Savary, Flora Figueiredo, Gilberto Mendonça Teles, Maria Braga Horta (in memoriam), Maria José Bulhões Maldonado, Mauro Mota, Olga Savary, Oscar Niemeyer, Pedro Albeirice da Rocha e Pedro Viana.


SEM TAXA DE INSCRIÇÃO: (AT…

SAFRA VELHA DE CLÁUDIA BRINO recebe indicação do International Poetry News

É com alegria e surpresa que acabo de receber de Giovani Campisi a notícia de que o livro Safra Velha de Cláudia Brino (Costelas Felinas) é um dos livros indicados para concorrer ao Prêmio Nobel de Literatura 2018.

Indicado pelo jornal International Poetry News entre 25 títulos de autores internacionais encaminhados ao Comitê Organizador do Prêmio Nobel de Literatura - 2018
A indicação foi feita pela Direzione Editoriale / Edizioni Universum

clique na imagem e veja a IPN  INDICAÇÃO NO - INTERNATIONAL POETRY NEWS


Este livro não é vendido em livrarias e se movimenta à margem da grande mídia. Adquirindo a versão impressa você receberá dedicatória especial tendo o seu nome impresso no livro.