VENDO - Clevane Pessoa

Entro na casa de outrora
onde o amor morou comigo.
vendo o tempo antigo
de ser a dois, depois sozinha.

(clique na imagem para continuar lendo o poema)
postagem enviada pela autora

Comentários