WATTSAPP É BLOQUEADO NO BRASIL: “UM POR TODOS E TODOS POR UM...” Por : Pettersen Filho

enviado pelo autor


WATTSAPP É BLOQUEADO NO BRASIL: “UM POR TODOS E TODOS POR UM...”
Por : Pettersen Filho

Ferramenta das mais democráticas, sinônimo da própria praticidade, a qual, confesso, eu mesmo não domino muito, no entanto, há de se reconhecer, verdadeira coqueluche da Comunicação Moderna, em que, nos ônibus, praças e ruas, assistimos as pessoas, meio que encantadas, às vezes, em transe, mesmo, teclando afoitamente seu celular ou notebook, falando, ao vivo e a cores, com seus afetos, e desafetos, rompendo como um supersônico a barreira das comunicações, fazendo de todos iguais, pretos e brancos, pobres e ricos, desburocratizando negócios e carreiras, possível ao Salão de Beleza da Esquina, ou ao Traficante da Boca de Fumo na Favela, apto a melhorar seus negócios, acaba de ser bloqueado, no Brasil, por prazo mínimo de 72 horas, segundo Decisão, já em vigor, de Juiz Federal do Nordeste brasileiro, da pacata Cidade de Lagarto, no Sergipe, até ontem, sequer destacando-se no Mapa Político Brasileiro... http://www.abdic.org.br/index.php/1249-wattsapp-e-bloqueado-no-brasil-um-por-todos-e-todos-por-um


Decisão que afronta cerca de, pelo menos, 100 Milhões de Usuários, no Brasil, medida, no mínimo, polêmica, impossível de ser implantada em qualquer Democracia mais desenvolvida, Estados Unidos ou Europa, a não ser na fechada Coreia do Norte ou China Comunista, por motivos de Segurança Nacional, ou outros que o Ditador de Plantão quiser enredar, a Medida pegou os Brasileiros de surpresa, causando verdadeiro reboliço, mesmo que justificada pelo Juízo como “Punição” à Empresa por, supostamente, negar-se a entregar dados, diálogos, entre Bandidos em uma alegada Investigação Criminal da Polícia Federal, quem formulou o Pedido, desfalecendo toda uma Nação, arrogantemente.

Máxima praticada somente nos romances escritos do Século XVIII e XIX, quando a transgressão penal se estendia aos familiares, amigos e vizinhos dos apenados criminalmente, chegando ao degredo e ao desterro,  no próprio Conto dos Três Mosqueteiros, quando, erguendo a Espada, proclamavam: “Um por todos, e todos por um”, revela, no mínimo, uma desproporcionalidade entre o Bem e o Mal causado por tal, processualmente, inócuo expediente.
As Companhias Telefônicas, e Operadoras, inimigas venais da ferramenta WattsApp, que diminuem-lhe os lucros, e facilitam as Comunicações, o que não é nem de longe o seu Objetivo final, haja vista a recente tendência de limitar a própria Banda Larga, oferecida gratuitamente em muitos países, como ferramenta democrática e de inclusão, de menos no Brasil da Anatel, e Operadoras ( vide: http://www.abdic.org.br/index.php/1228-anatel-libera-cobranca-limite-internet-fixa-entregando-o-consumidor-aos-leoes ), agradecem a colaboração do Juiz...

Afinal, nunca se vendeu tanto Cartão Telefônico, e Créditos Telefônicos, antes, na História desse País, com a supressão do Wat is Up ?

Lagartos me mordam !!!

Comentários