Pular para o conteúdo principal

Iacyr Anderson Freitas participa da V Bienal de Culturas Lusófonas em Portugal

enviado por Iacyr Anderson Freitas


Iacyr Anderson Freitas participa da V Bienal de Culturas Lusófonas em Portugal


Tendo publicado mais de vinte títulos de poesia, além de três de ensaio literário e um de contos, o escritor Iacyr Anderson Freitas participará, como autor brasileiro convidado, da V Bienal de Culturas Lusófonas, evento promovido pelo município de Odivelas, situado na região de Lisboa (Portugal). Tal evento busca enaltecer a produção artística de autores oriundos dos países lusófonos, nos domínios das artes plásticas, dança, cinema, teatro, música e literatura. A participação do escritor mineiro se dará no Encontro de Escritores Lusófonos, inserido na programação da Bienal, e cuja realização está prevista para os dias 19, 20 e 21 de maio do corrente ano.


No dia 19 de maio, terça-feira, a partir das 15h15min, no Centro Cultural Malaposta, Iacyr participará da mesa “A construção da escrita: agora as palavras”, coordenada por Luís Ricardo Duarte. O poeta brasileiro estará ao lado dos escritores portugueses Mário de Carvalho, José Fanha e Raquel Ochoa, bem como do moçambicano Adelino Timóteo.

 No dia seguinte, 20 de maio, quarta-feira, a partir das 15 horas, na Sala de Leitura “Natália Correia”, Iacyr lerá poemas de seu livro Viavária, obra que obteve, em 2011, o 1º lugar noPrêmio Literário Nacional do PEN Clube do Brasil e que será apresentada, na oportunidade, pelo escritor e fotógrafo Ozias Filho, nascido no Rio de Janeiro e radicado em Portugal há mais de duas décadas. A mesa será dirigida pelo escritor português Domingos Lobo e contará, também, com a participação do escritor Nuno Rebocho (de Cabo Verde). Completando a dobradinha brasileira, Iacyr apresentará o novo livro de Ozias, intitulado Insulares.

No dia de encerramento do Encontro de Escritores Lusófonos, 21 de maio, quinta-feira, a partir das 12h15min, no Centro de Exposições de Odivelas, Iacyr participará do painel “No ofício da escrita: tudo isto é humano e anda ligado aos sentimentos”, coordenado pelo escritor português Mário Máximo. O poeta brasileiro estará ao lado de Ana Paula Tavares (Angola), Calane da Silva (Moçambique) e Maria Barroso (Portugal).

Para encerrar a agenda lusitana, Iacyr também lerá poemas de Viavária na Livraria Gato Vadio, situada na Rua do Rosário, 281, no Porto, a partir das 21 horas do dia 23 de maio, sábado. O poeta brasileiro esteve nesta mesma livraria, em março deste ano, participando de uma sessão de leituras dedicada ao poeta Manuel Bandeira e autografando o livro Ar de arestas, que foi destacado nas duas principais premiações literárias do ano passado no Brasil: foi finalista do Prêmio Jabuti e semifinalista do Prêmio Portugal Telecom.

Ar de arestas foi lançado também em Lisboa e em Amarante, cidade situada no Douro, norte de Portugal, bem como na Livraria Ciranda, em Santiago de Compostela, em eventos realizados no final de março e no início de abril do corrente ano.  

* * *
Iacyr Anderson Freitas nasceu em Patrocínio do Muriaé (MG) em 1963. Poeta, contista e ensaísta, com diversas premiações literárias no Brasil e no Exterior, já publicou sua obra na Argentina, Chile, Colômbia, Espanha, Estados Unidos, França, Itália, Malta, Suíça, Peru, Portugal e Venezuela. Além dos livros citados acima, A soleira e o século (2002), Trinca dos traídos (2003) e Quaradouro (2007), bem como Terra além mar (antologia poética editada em Portugal em 2005), são alguns de seus títulos mais recentes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

VII Seletiva Nacional de Poesia – 2017 Para a edição do livro VII COLETÂNEA SÉCULO XXI

VII Seletiva Nacional de Poesia – 2017 Para a edição do livro VII COLETÂNEA SÉCULO XXI - que trará uma Homenagem ao poeta e professor Pedro Lyra – 
(será o 41º livro editado pela PoeArt Editora- DESDE 2006 COM VOCÊ!) (Prazo: ATÉ 30 de abril de 2017)
(somente pela INTERNET)


   A PoeArt Editora de Volta Redonda RJ, institui o livro VII Coletânea Século XXI  (depois das bem sucedidas Antologias Poéticas de Diversos Autores, Vozes de Aço da I a XVIII, depois do sucesso da I a VI Coletânea Século XXI, do livro Cardápio Poético, 1ª e 2ª edição, I a III Coletânea Viagem pela Escrita. Dentre os já homenageados por suas contribuições literário-culturais em nossos livros, estão: Adahir Gonçalves Barbosa, Alan Carlos Rocha, Álvaro Alves de Faria, Astrid Cabral, Clevane Pessoa, Flávia Savary, Flora Figueiredo, Gilberto Mendonça Teles, Maria Braga Horta (in memoriam), Maria José Bulhões Maldonado, Mauro Mota, Olga Savary, Oscar Niemeyer, Pedro Albeirice da Rocha e Pedro Viana.


SEM TAXA DE INSCRIÇÃO: (AT…

SAFRA VELHA DE CLÁUDIA BRINO recebe indicação do International Poetry News

É com alegria e surpresa que acabo de receber de Giovani Campisi a notícia de que o livro Safra Velha de Cláudia Brino (Costelas Felinas) é um dos livros indicados para concorrer ao Prêmio Nobel de Literatura 2018.

Indicado pelo jornal International Poetry News entre 25 títulos de autores internacionais encaminhados ao Comitê Organizador do Prêmio Nobel de Literatura - 2018
A indicação foi feita pela Direzione Editoriale / Edizioni Universum

clique na imagem e veja a IPN  INDICAÇÃO NO - INTERNATIONAL POETRY NEWS


Este livro não é vendido em livrarias e se movimenta à margem da grande mídia. Adquirindo a versão impressa você receberá dedicatória especial tendo o seu nome impresso no livro.