POEMA Painel - de Marise Arruda Sampaio


Painel

Quisera eu fotografar seu desejo
e pendurá-lo diante da cama
Colocar um zoom em seu sorriso
e tatuá-lo no meu umbigo.

Revelar o cio do negativo
da noite e aguardar a cor
surgir aos poucos.


Centralizar o foco
para o toque mais íntimo
e depois emoldurar

o sexo com gemidos.

poema enviado por 
Marise Arruda Sampaio

Comentários