OUTRORA - André Flores

OUTRORA


A madrugada invade...
Arde no peito uma dor...
Dor d alma, dor do coração.

O corpo estendido sobre a cama...
Já foi erguido pelas glórias...
Vivi as vitórias de outrora.


O pensamento vaga no ar...
Dias e noites jogados ao vento...
Peço um alento, um resgate,
Na verdade minha alma se foi.

  
André Flores

Aprendiz de Poeta
postagem enviada pelo autor

Comentários