Pular para o conteúdo principal

Meu Jesus de Beatriz Vasconcelos / foto: Marcelo Luiz de Freitas

 enviado pelos autores


Meu Jesus  

Jesus Cristo, meu Senhor
Numa cruz com muita dor
Padeceu por puro amor
Fiel, Santo e verdadeiro
Pai de amor, a própria luz!
Foi pregado num madeiro
Quanto amor do meu Jesus!

Olhe bem para o túmulo
Ele ressuscitou!
Muitos dizem: é o cúmulo!
Mas da morte nos livrou
Meu Jesus está vivo
E voltará para buscar
Os que constam lá no Livro
Com Ele sempre hei de morar

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

Trajes Poéticos - RIMA ENCADEADA

Palavra final do verso que rima com outra palavra do meio do verso seguinte.

*****

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores do concurso.