PALAVRAS - de Ludimar Gomes Molina - com Meseteleuton (fig. linguagem)

Figura de Linguagem: MESETELEUTON

       PALAVRAS
  
Palavras são armadilhas preparando  novas  armadilhas
São como teias emaranhadas numa caverna cubista
São como raios, relâmpagos, trovões, tempestade
São  dúvidas  de uma ilusão realista

Palavras são arapucas se livrando de outras arapucas
São como raios de sol brilhando nas entrelinhas
São como nuvens macias num céu primaveril
São  racionais, surreais; são verdadeiras rainhas

Palavras são traiçoeiras nos instigando traição
Palavras são aliadas nos mostrando soluções
Palavras são planejadas, medidas e controladas
São livres, soltas, descompromissadas
Palavras são palavras, não existe uma só definição
Saem pela  nossa boca.Plantam  sementes  nos corações
  
poema de Ludimar Gomes Molina

Figura de Linguagem: MESETELEUTON
nome dado à figura que resulta quando a mesma palavra é repetida no  meio e no final verso.
Projeto Trajes Poéticos (Clube de Poetas do Litoral) - por Cláudia Brino

Comentários