Pular para o conteúdo principal

VESTÍGIOS DE MAR - de ANA HELENA LOPES

HÁ VESTÍGIOS DE QUE O MAR PASSOU POR AQUI


A areia está molhada
Ontem não era assim.
Vi uns rastros de conchas
Senti seu olhar em mim.

Meu corpo desmaiado de sono
Agora desperta tão inconsciente.
O sal da água do mar
Arde meu olho descrente.

No céu azul desbotado
Fixo a interrogação teimosa.
Refletiria em seu espelho celestial
O que houve na noite passada?

Há vestígios de que o mar passou por aqui
Quem teria levado meus medos

Que não a espuma das ondas?

http://artesanallivros.blogspot.com.br/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Trajes Poéticos - RIMA EMPARELHADA

rimas que ocorrem seguidamente em pares.

*********

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores dos poemas.              

Trajes Poéticos - RIMA ENCADEADA

Palavra final do verso que rima com outra palavra do meio do verso seguinte.

*****

os poemas publicados aqui participaram do concurso Trajes Poéticos realizado pelo Clube de Poetas do Litoral - salvo os poemas dos autores cepelistas que foram os julgadores do concurso.